Tina emagreceu 26 kg sem cortar a “cervejinha” do fim de semana

Em sua segunda gestação, Atinoara Fraga, moradora de Guarulhos/SP engordou 20 kg e se sentiu extremamente incomodada com o sobrepeso, gordura em excesso nas pernas e celulite.

“Colocar saia ou short era constrangedor e como gosto de roupas justas, fiquei muito tempo sem poder usar, o que me fazia muito mal”, conta.

 

 

Além do aumento de peso, a chegada do bebê também requer adaptações à uma nova rotina, geralmente bastante corrida, onde não sobra muito tempo para a mãe cuidar de si mesma ou frequentar academia.

Na verdade, isso nem chegou a ser cogitado, já que “Tina” sentia muito desânimo para realizar as tarefas mais simples, além de dores no joelho e nas costas que não se resolviam com remédios.

Decisão

Até que, dois meses após o nascimento de Eloá (hoje com 1 ano e 4 meses), navegando pelo Facebook, ela se deparou com um anúncio inusitado que chamou a sua atenção: exercícios físicos para serem feitos em casa (ou qualquer lugar com acesso à internet) focados no emagrecimento de mães.

Imediatamente, ela pesquisou um pouco mais sobre o Mamãe Sarada e ficou surpresa com o sucesso do programa online elaborado pela treinadora Gabriela Cangussu que trabalha os músculos mais afetados na gestação (barriga, bumbum, coxa e lombar).

“Fiquei um pouco em dúvida, mas decidi comprar porque não aguentava mais a barriga pulando para fora da calça”, desabafa. Infelizmente, a flacidez abdominal é um dos maiores pesadelos que a mulher enfrenta após a gravidez, o que a faz se recusar a tirar fotos ou, até mesmo, olhar no espelho.

Eficácia

Outro grande incentivo para ela é o fato de poder treinar em casa mesmo, apenas 14 minutinhos diários. Ou seja, são sequências curtas, mas de alta intensidade e que queimam gordura rapidamente, fazendo suar muito!

Em 14 minutos: queima de gordura e muito suor! (ARQUIVO PESSOAL / A. FRAGA)

Em pouco tempo, porém, de forma gradual e saudável, a auxiliar administrativo conseguiu um resultado incrível: eliminou 26 kg, não sente mais dores, e tem muito mais qualidade de vida.

“Mudei completamente, sou uma outra pessoa. Acordo cedo, faço as atividades com alegria, vou para o trabalho, chego em casa e não deixo de fazer meus exercícios porque eles me fazem bem!”

Motivação

Outro aspecto significativo é a sua interação frequente no grupo VIP (privado no Facebook) apenas para mães que adquirem o programa, um espaço fundamental de motivação onde as participantes trocam informações, compartilham seu sucesso, dificuldades, esclarecem dúvidas, e jamais pensam em desistir!

Ao longo do processo, Atinoara sempre contou com o apoio do Grupo Vip do Mamãe Sarada. (ARQUIVO PESSOAL/A.FRAGA)

“O grupo foi primordial para mim neste sentido. Me motivava todos os dias ao ver a evolução das meninas. Elas me inspiraram tanto a chegar em meu objetivo que hoje acabei me tornando uma inspiração para elas”, diz.

Recorde

Hoje, a recifense continua treinando para manter sua grande conquista, porém com um novo objetivo: ganhar massa magra. Na verdade, Atinoara nunca havia pesado 56 kg. Seu menor peso antes da gravidez havia sido 62kg.

Logo, os treinos esculpiram seu corpo e a transformaram em sua melhor versão, nunca alcançada antes por meio de dietas ou outros tipos de exercícios.

Por isso, ela define o programa Mamãe Sarada em apenas 3 palavras: “autoestima, saúde e felicidade”, comemora! E não poupa elogios, “a Gabriela Cangussu é um anjo que Deus mandou para nos salvar (as mães)”!

Dieta após o parto

Por falar em dieta, você deve estar se perguntando se é preciso restringir a alimentação para perder peso com o Mamãe Sarada.

Neste caso, Tina afirma que não fez nenhuma dieta, apenas começou a tomar muita água (o que nunca foi um hábito), comer mais salada, diminuiu a quantidade de algumas refeições, cortou fritura, doce e refrigerante.

Porém, aos finais de semana, não abria mão de saborear um churrasco e até uma cervejinha, “afinal, não sou de ferro”, pondera.

Com o Mamãe Sarada é possível ser uma SUPER MÃE sem deixar de cuidar de si mesma. (ARQUIVO PESSOAL/A.FRAGA)

Entretanto, se você tem a intenção de aliar a atividade física a alguma dieta após o parto, é imprescindível procurar uma orientação médica, sobretudo se ainda estiver amamentando.

Isso porque o corpo feminino gasta bastante energia com a produção do leite, e chega a queimar em torno de 700 calorias diárias. Assim, os profissionais costumam recomendar que a mãe consuma entre 1.700 a 1.900 calorias por dia nos primeiros 2 meses de vida do bebê.

Bônus

Inclusive, o próprio Mamãe Sarada oferece diversos bônus, entre eles o Guia Nutricional para mães que amamentam e não amamentam, além de Guia de Alongamentos, Receitas e Sucos saudáveis que servem como complemento aos exercícios e ajudam muitas mulheres a alcançarem resultados ainda mais rápido.

Se você não gosta de musculação, não tem tempo para se deslocar ou não tem com quem deixar seu bebê para se exercitar e emagrecer após a gravidez, clique aqui e faça como nossa aluna que hoje se tornou uma campeã e exemplo de superação:

(ARQUIVO PESSOAL/A.FRAGA)

 

Está pronta para transformar sua sua vida, saúde e autoconfiança?

Deixe seu comentário
Mamãe Sarada

Confira nossos posts

Renata emagreceu 8kg e agora faz as coisas com prazer

  A Renata Costa emagreceu 8kg com os exercício do Mamãe Sarada e agora só …